Abundância sazonal de aves limícolas em área costeira amazônica, praia de Panaquatira, golfão maranhense, Brasil.

Bruno Almeida, Antonio Augusto Ferreira Rodrigues

Resumo


Neste estudo, descrevemos a abundância sazonal de aves limícolas na praia de Panaquatira, localizada na costa norte da ilha de São Luis, golfão maranhense, Brasil. Os censos populacionais foram realizados em intervalos de 15 dias, de abril de 2008 a março de 2009. 13 espécies de aves limícolas foram censadas, sendo três residentes e 10 migrantes neárticas. As espécies mais abundantes foram Calidris pusilla, Calidris canutus e Charadrius semipalmatus, respectivamente. A maior abundância ocorreu nos períodos entre a segunda quinzena de agosto e primeira quinzena de dezembro, representando a chegada das aves nas áreas de invernada. Contudo, há uma aparente diminuição no número de indivíduos a partir da segunda quinzena de dezembro, que pode sugerir tanto migrações em direção a áreas mais ao sul da América do Sul como deslocamentos de indivíduos para áreas de invernada adjacentes. As altas abundâncias registradas nesse setor costeiro, afirmam a importância da zona costeira amazônica como área de importância internacional na conservação de  aves migratórias e residentes.


Palavras-chave


Abundância sazonal, aves limícolas, praia de Panaquatira, costa amazônica, Brazil.

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Para visualisar/abrir os manuscritos da revista (arquivos PDF) é necessário o software Acrobat Reader. Se você não possui este software, clique aqui para fazer o download da versão atualizada, em português. O software é gratuito e de fácil utilização.

________________________________
Copyright © 2010-2015 CEMAVE/ICMBio.
OJS - Open Journal Systems customizado pelo Núcleo de Tecnologia da Informação/CEMAVE.
Utilizada a tradução do SEER-IBICT para o Português-Brasileiro.

(Recomendamos utilizar o Mozilla Firefox , Google Chrome e resolução mínima 1024 x 768 pixels)